Erros Teológicos Devido a Erros na Tradução Parte 2

Abolir ou cumprir a Lei?
 
Um dos versículos com interpretação equivocada que já testemunhei é o de Mateus 5:17. “Não pensem que vim abolir a Lei ou os Profetas; não vim abolir, mas cumprir.”  – Nova versão internacional

Há aqueles que defendem que Jesus ao cumprir toda a lei mosaica (o Pentateuco ou Torá) Ele nos livrou do peso da lei e por isso não precisamos nos preocuparmos em obedece-la. Será que tal interpretação é valida? E o que dizer dos 10 mandamentos, que estão incluídos na lei?

Gostaria de propor uma análise na raíze do texto: Antes de tudo temos que considerar que evidências mostram que os evangelhos foram primeiramente escritos em Hebraico e depois traduzidos para o Grego, apesar de não termos os originais em Hebraicos hoje. Se tiver interesse nesse assunto indico a leitura do livro em Inglês (http://www.jerusalemperspective.com/products-page/ebooks/jesus-rabbi-and-lord/) Jesus Rabbi and Lord.

As três palavras fundamentais para entendermos essa declaração de Jesus são: Lei, abolir e cumprir.

LEI – diferente da conotação em português que é de algo obrigatório, pesado e punitivo, a palavra no hebraico (yarah) significa: instrução, retidão, vida, direção e ensino. A imagem é de uma flecha que é atirada em linha reta e acerta o alvo, sendo o alvo a vontade do Senhor. Então a “lei” nos ensina a andar corretamente a fim de obedecermos ao Senhor que amamos. O Salmista exclama no salmo 119:97 ”Oh! Como eu amo a tua lei! Nela medito o dia inteiro.” Como ele pode amar a lei? Eu detesto a lei, ela me obriga a fazer coisas que não desejo. Mas se entendermos o contexto em que o salmista se expressa é fácil de compreender.

ABOLIR – no grego = Karalyõ – “interpretar incorretamente”. No hebraico = batel– abolir, cancelar e destruir. Portanto a pessoa cancela, destrói e abole quando se equivoca na interpretação do texto.

CUMPRIR – no grego = Pleroõ – se refere a interpretar a passagem corretamente. No hebraico = Kiyem – re-afirmar, apoiar, guardar, observar, celebrar. Tanto BATEL quanto KIYEM estão geralmente associadas ao contexto de interpretação das escrituras.

Como alguém pode observar a lei (as instruções) do Senhor se não compreender o que a lei requer dele(a)? Se houver algum equivoco na interpretação das escrituras, provavelmente não conseguira cumprir o mandamento do Senhor como e Seu intuito, ou em outras palavras – acertar o alvo, então a pessoa pode abolir “interpretar incorretamente” – cancelando o mandamento. Em contrapartida quando se compreende corretamente a intenção do Senhor em determinado mandamento então a pessoa consegue cumprir o mandamento ou Lei (Torá). Acerta o alvo!

Então o que Jesus está realmente dizendo é: “Não pensem que vim dar uma interpretação incorreta dos preceitos/ensinamentos ou dos Profetas; não vim para dar interpretação incorreta, mas sim para interpretar corretamente, re-afirmar, apoiar, guardar, observar e celebrar a Lei (Torá).”

Meu desejo é que através do estudo minucioso das escrituras no seu contexto cultural, lingüístico e espiritual possamos viver vidas frutíferas e maduras em reverencia ao Senhor.

Autor: Adivalter Sfalsin

15 pensamentos sobre “Erros Teológicos Devido a Erros na Tradução Parte 2

  1. Quando o Eterno diz: “façamos” no pensamento hebraico antigo diz-que ele estava falando a si mesmo, com toda sua grandeza e majestade e poder. Assim como Elohim significa plural majestático como forma de expressar a grandeza do Eterno.

    Curtir

    • O “Façamos” citado acima, justificado pelo Rabinato, como “Um SÓ D-us” que Criou os Céus e a Terra. Todavia, os “Messiânicos” que creem em Yeshua como o Verdadeiro Messias de Israel, creem na Trindade : D-us Pai, D-us Filho e D-us Espírito Santo, justificando o plural: ELOHIM. Segundo o que está escrito em Mateus 25:6, e que já estamos próximos da 1/2 Noite, ocorrerá um Arrebatamento (da Noiva) e, após os 7 anos das Bodas Celestiais, enquanto aqui, o Falso Messias consegue se impor durante a metade desse tempo ( 3 e 1/2 anos), acaba sendo descoberto pelo governo mundial, passando à perseguição dos judeus, e só o remanescente, 1/3 deles, é poupado no Deserto, quando O verdadeiro Messias desce c/ a noiva,
      os redimidos, para a destruição dos inimigos (666 + exércitos mundiais): Está Escrito no Novo Testamento. “Quem sobreviver VERÁ”!

      Curtir

  2. Realmente, varrendo as 12 Bíblias aqui presentes, inclusa a minha Torah, o 4.° Mandamento (Êxodo 20:8) refere-se ” A Guarda Do Shabat”, não o guarda-roupas do pai e mãe (Êxodo 20:12)!

    Curtir

  3. Excelente iniciativa…Eu mesma, tenho curiosidade em pesquisar diversos textos bíblicos dos quais desconfio que a tradução pode estar equivocada e por consequencia nos levando a distorçoes no agir e no pensar… Muito bom, parabéns!

    Curtir

    • Kelly, como um cavaleiro que sou, gosto mais de Ouvir (com os dois ouvidos) do que de falar (uma só boca), mas penso que Yeshua não seria, “nunca” contra “A Lei de Mosheh”, ditada ou escrita diretamente por D-us no Monte Sinai. No Egito formou-se O Povo (no calor dos fornos, como se faz o pão), mas faltava Lei, que foi dada ainda no Deserto, finalmente a Terra prometida aos filhos (como Aliah com Nomes novos).
      Yeshua não burlou a Lei, mas ensinou a maneira correta e fácil de cumpri-la, com AMOR, pois quem Ama, não Mata, não Rouba, não …. Só o 4.° mandamento é que motiva diferenças entre algumas religiões, o restante não deixou dúvida ou dívida..,

      Curtir

  4. Uma questão aqui não presente, que eu gostaria de ter a resposta , se possivel,
    até esse Shabat .Sobre “A Trindade”: Na Torah não temos nenhum verso que defina, diretamente, A Trindade Divina? No Bereshit 1:26 só a forma verbal: FAÇAMOS…. à NOSSA ….! É visto, no rodapé, uma explicação Rabínica sobre os verbos, embora no Plural, só designam “Autoridade, Grandeza, Poder,..
    zetom43@gmail.com >

    Curtir

    • Sem duvida há centenas de erros na tradução que temos. A trindade não é diretamente mencionada na bíblia, no Tanak ou novo testamento para os cristãos. Existe textos muito difícil de interpretação, por exemplo em Genesis 1:26 Adonai diz: “Façamos o homem a nossa imagem e semelhança” No hebraico אֱלֹהִים ‘elohiym = “Deuses” pergunta? Porque o texto em hebraico diz “Deuses” se deus é unico. Em portugues, façamos implica plural.. mais de uma pessoa.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.